Tite avalia desempenho contra o Panamá como ruim

A seleção do Brasil Copa América 2019 pode ter alterações no elenco que competiu no Mundial 2018. O primeiro amistoso dos brasileiros neste ano foi contra o Panamá, e o desempenho não foi bom, na avaliação do técnico. Tite considerou que o jogo amigável foi ruim. E em entrevista coletiva ao final da partida deixou clara sua opinião, além de comentar quais jogadores se destacaram.

Falta de efetividade incomoda Tite

O Brasil chegou a criar muitas oportunidades para ganhar do Panamá, mas a efetividade das criações não foram positivas. Mesmo que a seleção canarinho rondeasse a área dos panamenhos, acabaram não conseguindo criar chances reais de gols. Tite comentou que testou Coutinho em duas situações distintas, e que foi a primeira vez que o meia do Barcelona jogou com Paquetá e outros colegas.

O amistoso Brasil Copa América ajudou a mostrar para o treinador quais são as alternativas disponíveis para criação de oportunidades. “Nós criarmos formas alternativas de ter dois jogadores de área, dois laterais projetados. Teremos chances de cruzamentos.” – comentou Tite. Além disso, outros ajustes foram criados para ter certeza de qual formação é a ideal para o elenco disponível.

Tite – MDI / Shutterstock.com

“Encontrar uma forma criativa, coloquei Paquetá por dentro, Arthur, ter essas opções de jogadores que possam dar aos homens de frente, esse é um dos focos.” – comentou o treinador. Tite explorou as formas de criar oportunidades para que os jogadores de frente pudessem ter mais espaço para fazer gols. E, ao ser questionado sobre a chance para novos atletas, o comandante foi categórico.

“É o estágio que nós estamos. Quando formos para a Copa América aí sim você faz as devidas escolhas. Teremos como fazer uma cobrança mais alta. Eu tinha a expectativa de ser mais criativo, mas eu tenho que ter a noção que a composição do meio campo vai vir de ensaio e erro.” – disse Tite. “Eu tenho que fazer essas modificações para que o meio campo possa mostrar, e aí ter um processo criativo para os homens de frente concluírem.” – finalizou o treinador brasileiro.

Treinador comenta expectativa com a Copa América 2019

A Copa América do Brasil terá início em junho de 2019. Os brasileiros estão com grande expectativa, já que o evento acontece em território brasileiro. Porém, o momento de grandes seleções internacionais é de renovação. A Alemanha testou uma seleção muito jovem para as qualificatórias da Euro 2020. E a própria França começou uma nova etapa, trazendo grandes talentos até então desconhecidos pelo mundo.

Tite, durante sua coletiva de imprensa ao final do jogo contra o Panamá, foi questionado sobre como ele tem lidado com as expectativas dos brasileiros para com a Copa América 2019. E sobre essa nova etapa de renovação a qual é percebida também na seleção brasileira. “O torcedor ele tem o direito de ouvir, entender, ficar chateado com o resultado. Normal, é assim. Eu quero ganhar do Panamá, quero até resultados maiores. Temos que entender o contexto. Assim como temos que entender a construção de uma equipe.” – disse o técnico do Brasil.

“Eu tenho condição de colocar uma equipe entrosada em campo. Mas estamos em outro estágio.” – disse Tite. O próximo compromisso dos brasileiros é contra a República Checa, e muito provavelmente o treinador do Brasil fará mais testes. Os destaques comentamos pelo técnico foram Paquetá e Militão. Ambos tiveram com desempenho, e provavelmente entrarão como titulares contra o time checo.