Coutinho é criticado após eliminação do Barcelona na Liga dos Campeões

O Liverpool venceu o Barcelona por 4 a 0 na última terça-feira (7) no Anfield, estádio dos Reds. A atuação de Philippe Coutinho chamou a atenção. O brasileiro foi substituído com uma hora de jogo e foi criticado pela sua atuação em um jogo decisivo para o futuro dos espanhóis na Liga dos Campeões da Europa.

O milagre Anfield

Alguns especialistas estão chamando de milagre o que o Liverpool fez contra o Barcelona. Com um dos melhores times da temporada os espanhóis conseguiram o que muitos achavam impossível. A derrota para os Reds por 4 a 0 representou a eliminação na Liga dos Campeões. Agora resta ao Barça completar a tabela da La Liga, competição a qual já são campeões antecipados.

O Liverpool começou pressionando os adversários desde o primeiro minuto de jogo. E aos 7 da primeira etapa encontraram o gol com Divock Ogiri. O jogador dos Reds estava no lugar certo para pegar o rebote e abrir o palcar, para delírio dos torcedores no Anfield. E o segundo veio só no segundo tempo. Após o Barcelona desperdiçar diversas oportunidades Georgino Wijnaldum ampliou.

Wijnaldum entrou no segundo tempo no lugar de Andrew Robertson. O treinador do Liverpool sabia que precisaria ter mais poder ofensivo para vencer o Barcelona, pois ainda precisava de 3 gols na segunda etapa. E, para a felicidade dos torcedores no Anfield, a troca do comandante de muito certo. O camisa 5 recebeu um cruzamento e colocou para o fundo das redes dos espanhóis.

Passaram apenas 2 minutos e Wijnaldum fez o terceiro, dessa vez de cabeça. E o Liverpool conseguia o 3 a 0, empatando o jogo no agregado. Mas em uma cobrança de escanteio inusitada Ogiri fez o 4º e acabou com as chances do Barcelona na Liga dos Campeões da Europa. Após a eliminação, Philippe Coutinho foi alvo de muitas críticas pela sua atuação no jogo no Anfield.

‘Coutinho não faz nada fora de casa’

A atuação do brasileiro Philippe Coutinho no jogo contra o Liverpool chamou a atenção pela falta de qualidade. O jogador do Barcelona foi substituído justamente por não estar ajudando na criação de oportunidades de gol. Apesar dos espanhóis insistirem em criarem jogadas que passassem pelos pés do camisa 7, nenhuma delas foi efetiva em termos de gols, mesmo o atacante ficando por vezes frente a frente com Alisson, goleiro dos Reds.

Philippe – Alizada Studios / Shutterstock.com

Uma das críticas mais fortes ao brasileiro veio de Fabio Capello, chefe do Real Madrid. Para o italiano Philippe Coutinho não deveria ter jogado. “Valverde foi um pouco presunçoso ao jogar com o mesmo time do confronto de ida. Para mim, Coutinho não deveria ter jogado. Ele não faz nada fora de casa.” – disse o comandante do time de Zidane. Além disso, houve também comentários sobre a concentração dos atletas do Barcelona após o 4º gol.

“O Barcelona teve umas três chances cada a cara com Alisson, que fez incríveis defesas. Mas os espanhóis mostraram problemas de concentração após levarem o quarto gol marcado por Origi.” – disse Capello. “Eles não podem errar dessa forma, pois os jogadores do Liverpool estão em um nível muito alto. E certamente você será punido pelos erros.” – finalizou Fabio.

Na visão de Sergio Busquets a derrota foi algo simples de explicar: “Eles foram melhores que nós”. Agora resta ao Barcelona completar os próximos jogos pela La Liga e o Liverpool já começa a se preparar para os confrontos decisivos que terá pela frente. Os Reds decidirão a Premier League a agora estão na final da Liga dos Campeões. Confira as odds para os próximos jogos dos ingleses em Betway.